Você está aqui: Semana a Semana » Gravidez » Dores » Como criar um filho para ser atleta
As semanas da gestação
Navegue pela linha do tempo do seu filho

Como criar um filho para ser atleta

compartilhe esse link: Pergunta:(0) imprimir

Muitos são os filhos que desde pequenos começam a mostrar aos pais que têm habilidades específicas com algum tipo de esporte. E é por conta disso que, com o passar do tempo, os pais são essenciais para que o (a) garoto (a) vá em frente; somente o incentivo pode fazer com que o seu filho se torne um real atleta!

Veja então, algumas dicas essenciais para você que está disposto a trilhar caminhos corretos para ajudar o seu filho a se tornar campeão no esporte preferido, conforme as suas habilidades e escolhas!

Primeiramente, você nunca deve esquecer que o seu filho ainda é criança: ele deve continuar estudando e se dedicando a outras atividades, mas, é claro, com o objetivo principal sempre em mente. Provavelmente, ele se sentirá deslocado das outras crianças, já que possui metas mais concretas, um talento natural e, ainda, uma grande paixão por um esporte. Quando ele estiver se dedicando ao esporte, deixe-o, mas controle também as horas de estudo.

Em segundo plano, é essencial proporcionar ao pequeno uma alimentação saudável desde a infância. Na dieta, inclua uma grande variedade de carboidratos, vitaminas e proteínas, e nunca deixe de oferecer muita água para ele durante o dia. Saladas, frutas e vegetais também são essenciais para que o corpo da criança já se desenvolva de forma saudável e forte. É claro que ainda são crianças e vão pedir doces e outras bobagens, e negar também não é a forma de criá-lo bem, porém, controle a quantidade de doces e bobeiras oferecidas para os pequenos atletas, que devem sempre se cuidar.

Além disso, incentive-o a dormir saudavelmente todos os dias, afinal, o sono é o principal causador de irritabilidade e cansaço frequente, o que prejudicará o desempenho da criança.

O seu filho provavelmente sentirá dificuldades na hora de organizar as horas para a escola e para os treinos. Por isso, ajude-o, compre uma agenda e faça com que ele anote os trabalhos e datas de entrega em todos, ficando em dia com as tarefas da escola, ele também pode treinar com a frequência desejada.

Crianças praticando esporte para ser verdadeiros atletas

Crianças praticando esporte para ser verdadeiros atletas

Sempre que o seu filho tiver competições, não deixe de pagar as taxas ou, ainda, as mensalidades de seus treinos – assim, é possível manter uma relação sempre amigável com os instrutores e estabelecimentos que instruem o seu filho (a).

Seja um modelo para o seu pequeno. Não adianta tentar proporcionar uma alimentação saudável se for se alimentar com bobagens, assim como não vale de nada mostrar que deve ser responsável, se o próprio pai/mãe não é.

Além disso, mostre-se sempre interessado quando o assunto for os seus treinos, suas dificuldades, suas competições e seus avanços. Os pais são extremamente importantes nessa fase, já que são as maiores inspirações das crianças. Mostre que não importa o resultado, ou seja, se ele perder, outras oportunidades de ganhar virão, e os objetivos ainda poderão ser cumpridos posteriormente. Seja sempre positivo, e mostre outros caminhos e possibilidades. Também se lembre de pesquisar e estar sempre por dentro das competições que podem destacar as habilidades do seu filho.

Ajude sempre o seu filho, proporcione atividades e incentive-o com frequência. Equipamentos para melhorar o desempenho de suas atividades esportivas também são essenciais, mas uma noite de pijama, uma viagem, um ingresso para o parque de diversões ou cinema também pode ajudar a motivar o pequeno.

Mostre a ele todas as novidades envolvendo o esporte que ele adora: assine uma revista ou faça uma assinatura digital de algum site especializado no esporte. Se o seu filho faz um esporte que você não tem assim tanto conhecimento, tente aprender as regras o quanto antes, para entender o que seu filho diz, as suas necessidades e os seus avanços. Além disso, incentive-o na frente de outros familiares e amigos. Deixe-o interagir o máximo possível com eles, indo para festinhas ou eventos.

Por fim, nunca repreenda o seu filho em frente a colegas ou após competições, sempre fale em particular. Também não restrinja tanto a sua alimentação, oferecendo sempre uma variedade de opções saudáveis para que ele opte por aquilo que realmente gosta.

Note os seus sinais de cansaço, estresse ou pessimismo, ouça o pequeno e leia tudo o que estiver nas entrelinhas. Dessa forma, certamente você será um pai perfeito na criação de um filho atleta.



Comente sobre este assunto