CasamentoNenhum comentário

Casal fazendo terapia

Toda relação deve ser construída com muita amizade, amor, compreensão e também com algumas pequenas renúncias. Não podemos manter certas atitudes da vida de solteiro depois do casamento, e isso inclui a dependência, o egoísmo e a falta de colaboração.

O casamento é uma relação que depende muito do companheirismo, do bom senso e da determinação, tanto do homem quanto da mulher. O marido não pode se casar projetando na esposa o papel que antes cabia à sua mãe, e a esposa igualmente não deve cobrar do marido a manutenção do padrão de vida que ela tinha antes de se casar. O casamento é um mundo novo, um espaço desconhecido a ser descoberto pelo casal, e isso leva tempo.

Enfrentando os pequenos desafios

Ao completar 3 anos e 9 meses de casamento, o casal já tem uma boa base para avaliar se a relação vai bem, ou não. Nessa etapa do matrimônio já é possível saber o que deve ser mudado e o que deve ser mantido. Para muitos casais, uma terapia pode ser recomendável nessa fase do matrimônio. Com a ajuda de uma terapia de casal é possível consertar vários pequenos desvios de conduta que prejudicam a relação.

Casal fazendo terapia

Ao chegar a 3 anos e 9 meses de casamento, o marido e a esposa estão prestes a comemorar Bodas de Flores e Frutas, uma bela data para ser lembrada e celebrada. Melhor ainda seria comemorar essa data sem nenhum problema, preocupação ou mágoa.

Marido e esposa nunca devem dormir com situações mal resolvidas. A essa altura do casamento, é bem possível que o casal já tenha aprendido essa lição.

É muito importante a dedicação e o empenho de ambos para fazer com que o relacionamento nunca caia num tédio irreparável que, muitas vezes, leva ao fim do casamento. O casal deve ter uma relação divertida, leve e saudável.

Nada de deixar a obsessão, o ciúme e o controle tomarem conta da vida a dois. Se isso acontecer é preciso que uma mudança de comportamento profunda se estabeleça para salvar a relação.

Ao completar 3 anos e 9 meses de casamento, busque novos horizontes para o seu relacionamento e seja feliz!

corrente de oração

Seja o primeiro a comentar.

Adicione um comentário