Sem categoriaNenhum comentário

Durante a gestação, o organismo da mulher grávida passa por diversas e importantes mudanças. Portanto, é normal que a maioria delas sinta muitos enjoos, sensação de desânimos, dores na coluna, na região lombar e apresentem muitos inchaços.

Os inchaços se devem à retenção de líquido que acontece no corpo e começam a aparecer depois do sexto mês de gestação. Os pés são a parte do corpo que mais sofre neste período, pois todo o peso que agora a sua estrutura suporta é deixado sob a responsabilidade deles. No entanto, existem algumas dicas para melhorar a qualidade de vida das gestantes nesse momento, que deve ser aproveitado ao máximo!

Diminua a quantidade de sal na rotina de alimentação

O sal é o maior responsável pelo acúmulo de líquidos no fluxo sanguíneo e, portanto, é um dos alimentos que promovem o aparecimento de inchaços. Sendo assim, evite esse ingrediente em quantidades abundantes, afinal, o sal também aumenta a pressão arterial – o que pode ser um problemão para algumas.

Caminhadas e exercícios em piscinas também ajudam, pois melhoram a circulação do sangue, a postura do corpo e coluna da gestante, reduzindo os sintomas de inchaço, além de ser saudável e ajudar na ingestão de nutrientes do bebê.

No entanto, as atividades nesse período devem ser de forma maneirada. Procure por exercícios simples, que não exigem muita disposição e que dure pouco tempo. Dessa forma, você pode relaxar sem sofrimento nesse momento tão peculiar que é a gravidez.

Beber líquido é muito importante

A gestante deve se manter hidratada consumindo muitos líquidos durante o dia. A água ajuda no bom funcionamento do metabolismo, além de ajudar na queima das gorduras ruins.

Os sucos naturais também são ótima opção para quem precisa de um sabor a mais. No entanto, não vá encher o seu suco de açúcar. Controle é a palavra.

É importante balancear a quantidade de açúcar nos sucos

É importante balancear a quantidade de açúcar nos sucos

Esticar as pernas e deixá-las para a cima na sua cama pode ajudar. Isso faz com que a circulação do sangue melhore e, assim, os inchaços diminuem, principalmente os dos pés. Sendo assim, coloque um travesseiro na plataforma reta e ponha os pés para cima. Dessa forma há uma receptação de sangue no fluxo, movimentando as artérias e eliminando os líquidos acumulados.

Evite ficar várias horas na mesma posição

Manter-se durante muito tempo na mesma posição, além de causar muito desconforto para gestante e sensações de formigamento, promove a aparição de inchaços. Portanto, o ideal é que a grávida se mexa bastante durante a gestação.

Nada de preguiça! Depois de ficar vários minutos sentada ou deitada em algum lugar, realize algumas caminhadas – isso pode ser dentro de casa mesmo. O importante é a nova mamãe se exercitar de alguma forma.

As meias elásticas podem ajudar com os inchaços, porém, são muito quentes para serem utilizadas no verão e, por vezes, não apresentam resultados. O ideal é que a mãe mantenha uma alimentação correta, consuma muito líquido e se exercite durante toda a gravidez. Ioga e técnicas de respiração podem ser de grande valia. Pesquise.

Fique atenta!

Caso os inchaços aumentem e/ou não diminuam, é importante que a gestante consulte o seu médico que realiza o pré-natal da gravidez. Inchaços podem ser sintomas de pressão sanguínea alta demais, e pode acarretar na promoção de doenças, como a eclampsia, que pode ser fatal tanto para a gestante quanto para o bebê.

O médico sabe todas as formas de tratamento eficientes para o seu caso. Sendo assim, não hesite na hora de pedir ajuda a ele, já que os inchaços são terríveis e provocam extremo mal estar e dores, ainda mais durante as épocas de calor.

Seja o primeiro a comentar.

Adicione um comentário