Sem categoriaNenhum comentário

Bebê com 1 ano e 1 mês de idade

O primeiro aninho de um bebê é o mais gostoso. É nesta fase que ele aprende a resmungar, dar gritinhos, consegue diferenciar mamãe e papai, começa a comer coisinhas mais saudáveis, além de engatinhar e de dar os primeiros passinhos.

Na fase dos 13 meses, o bebê já consegue ficar em pé sozinho além é claro de alegrar os papais com as primeiras andadas. Essa é a fase mais bacana, pois é só o bebê se olhar no espelho para dar gargalhadas, afinal ele já está se reconhecendo.
Quanto mais você trabalhar esse lado, melhor será para o seu pequeno. Incentivá-lo a andar, fará com que ele se movimente mais, gastando mais energia.

Bebê com 1 ano e 1 mês de idadeNada mais desconfortante do que ver o seu bebê com aquelas picadinhas de pernilongo pelo corpo todo. Ele se sente desconfortável com aquelas coceiras e chora toda vez que fica com roupinhas quentes. Neste caso o ideal é colocar uma tela mosqueteira ao redor do berço dele, ou antes, de dormir passar um inseticida em spray, assim os insetos que lá estão acabam morrendo, outra opção é ligar o inseticida na tomada, garantindo uma noite de tranquila.

Essa fase é o melhor momento para apresentar seu filho aos livros, além da diversão você também vai ajudar no desenvolvimento e aprendizagem do bebê. Tente ler ou mostrar um livrinho, pelo menos uma vez ao dia. Seja na hora do banho, no soninho da tarde, ou antes, de dormir. Hoje em dia é fácil de encontrar livrinhos para essa faixa etária. Quanto mais cor e textura melhor.

Todo o tipo de relação que você tiver com seu bebê vai ser essencial para que ele cresça mais confiante e mais desenvolvido. Trabalhe durante a leitura, durante as orações o lado linguístico do seu pequeno, pois é você mamãe que vai notar se algo estiver errado.
Como seu bebê já vai estar se alimentando com comidas, fique atenta se ele estiver com diarreia, pois é nesta fase que você descobre se ele tem tolerância a algum alimento e quanto antes realizar os exames melhor para a qualidade de vida da criança.

Seja o primeiro a comentar.

Adicione um comentário